CURATIVOS EMPÍRICOS E OS MAIS UTILIZADOS NA ATUALIDADE

Autores

  • Ana Paula Aparecida da SILVA Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Maria Paula Araújo Souza e SILVA Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Lucas dos Santos ALVES Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Fernando de Souza COSTA Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Cláudia Isabel ARGENTINA Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec

Palavras-chave:

Curativos, Técnicas procedimentais, Recuperação clínica

Resumo

Introdução: O presente trabalho visa apresentar a evolução da utilização de técnicas de curativos utilizados ao longo do tempo, de modo a analisar o avanço tecnológico e a adequação de técnicas aptas e eficazes para tratamentos específicos, o que implica em uma possível melhora na recuperação clínica do paciente. Objetivos: Expor as técnicas e procedimentos utilizados no passado para a realização de curativos; apresentar as técnicas atuais utilizadas na realização de curativos; comparar os resultados obtidos entre os curativos da antiguidade e os atuais; apresentar através de registros bibliográficos a eficácia na adoção de técnicas empíricas e clínicas específicas na atualidade. Metodologia: Foi utilizada como base pesquisas bibliográficas exploratórias através do conteúdo levantado no referencial teórico sobre o assunto a fim de realizar levantamentos que comprovem tal relevância. Resultados: Por meio do presente estudo e das informações colhidas pôde-se verificar a importância da adequada utilização de técnicas específicas para os mais diversos casos clínicos de curativos em pacientes, levando em conta cada caso concreto, uma vez que a utilização inadequada poderá causar agravamento do estado de saúde do paciente, podendo levar, inclusive, à morte. Conclusão: Pode-se ressaltar a partir dos dados levantados que é de extrema importância a correta identificação de utilização de técnicas adequadas para os mais diversos casos clínicos, utilizando em cada um o tratamento correto e eficaz, a fim de se buscar a evolução do estado de saúde do paciente com a maior brevidade e segurança possíveis, uma vez que a utilização de técnica inadequada acaba por prejudicar o tratamento, retardando eventual evolução clínica do paciente, sendo que o avanço tecnológico das técnicas utilizadas em polos especializados é de fundamental importância para difundir a notoriedade do curativo na recuperação clínica do assistido.

Downloads

Publicado

2022-11-10

Como Citar

SILVA, A. P. A. da ., SILVA, M. P. A. S. e ., ALVES, L. dos S. ., COSTA, F. de S. ., & ARGENTINA, C. I. . (2022). CURATIVOS EMPÍRICOS E OS MAIS UTILIZADOS NA ATUALIDADE. ANAIS DO FÓRUM DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO UNIFUNEC, 13(13). Recuperado de https://seer.unifunec.edu.br/index.php/forum/article/view/5816

Edição

Seção

CIÊNCIAS DA SAÚDE E BIOLÓGICAS