REABILITAÇÃO ORAL COM PROTÉSE OBTURADORA: REVISÃO DE LITERATURA

Autores

  • Murilo Augusto Curti Mota RAMOS Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec
  • Alailson Domingos dos SANTOS Centro Universitário de Santa Fé do Sul - Unifunec

Palavras-chave:

Prótese obturadora, Reabilitação Oral, Deformidades Faciais

Resumo

As deformidades bucomaxilofaciais se caracterizam pela perda da forma original na região de cabeça e pescoço, resultando em problemas psicológicos, familiares, e até mesmo social ao paciente. A sua etiologia é dividida em três grupos, congênitas causadas por más-formações e distúrbios de desenvolvimentos do indivíduo, adquiridas ocasionadas por traumas ou acidentes na região de cabeça-pescoço, e de origem oncológica. As próteses bucomaxilofaciais visam proporcionar qualidade de vida, cidadania e reintegração desse paciente na sociedade. O trabalho apresentado tem como objetivo mostrar através de uma revisão de literatura a importância do estabelecimento de próteses obturadoras e o indispensável papel do cirurgião dentista na reabilitação dos indivíduos acometidos por essa deformidade, além dos materiais mais utilizados para sua fabricação, as características, as vantagens, as desvantagens e classificações das próteses obturadoras. A revisão foi realizada por meio de uma busca bibliográfica selecionando artigos nas bases de dados disponíveis como: Scielo, Google Acadêmico e PubMed. Dentre os artigos foram selecionados todos aqueles que se referiam a próteses obturadoras. Foi concluído que independentemente do tipo de retenção, material ou tempo de confecção (mediata ou imediata) a prótese devolve harmonia da face, a função, bem-estar e qualidade de vida da pessoa.

Downloads

Publicado

2021-04-05

Como Citar

RAMOS, M. A. C. M. ., & SANTOS, A. D. dos. (2021). REABILITAÇÃO ORAL COM PROTÉSE OBTURADORA: REVISÃO DE LITERATURA. ANAIS DE ODONTOLOGIA DO UNIFUNEC - SEM CIRCULAÇÃO, 7(7). Recuperado de https://seer.unifunec.edu.br/index.php/AJOF/article/view/5128